29/01/2021 15h29 - Atualizado em 29/01/2021 15h45

Fapes apoia criação de novos produtos e processos na iniciativa privada do Espírito Santo

Em parceria com a Finep, foi lançado edital de R$ 7,5 milhões que recebe propostas de projetos até o dia 31 de março.

As empresas sediadas em território capixaba terão a oportunidade de desenvolver produtos ou processos inovadores, com o apoio da chamada pública lançada pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes). Os recursos financeiros chegam à marca de R$ 7,5 milhões, para serem aplicados na segunda edição do Programa de Apoio à Inovação Tecnológica, o Tecnova II.

Desse total, R$ 5 milhões são destinados pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), empresa pública vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI), e o restante é complementado pela Fapes.

O objetivo do Edital Fapes nº 02/2021 é conceder recursos não reembolsáveis, por meio de subvenção econômica, para o desenvolvimento de produtos, bens, serviços ou processos inovadores que envolvam riscos tecnológicos associados às oportunidades de mercado. O prazo para o cadastro de propostas no formulário eletrônico de submissão do Tecnova segue até o dia 31 de março.

As empresas proponentes devem apresentar faturamento anual de até R$ 16 milhões. A empresa proponente deverá, obrigatoriamente, aportar recursos a título de contrapartida financeira, no limite mínimo de 5% (cinco por cento) do valor de subvenção econômica contratado.

Para participar da chamada, os interessados devem submeter um projeto de inovação envolvendo um dos seguintes temas:

- Química e novos materiais;
- Tecnologias em saúde;
- Tecnologia da Informação e Comunicação;
- Economia criativa;
- Energias sustentáveis.

Tecnova

A primeira chamada pública do Tecnova foi lançada em 2013 e selecionou um conjunto de 38 projetos de micro e pequenas empresas capixabas. A parceria para realizar o programa partiu da Financiadora de Projetos (Finep), ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

Com a adesão da Fapes, foram aportados cerca de R$ 13,5 milhões em recursos não reembolsáveis. Os projetos inovadores foram considerados relevantes em áreas distintas, como saúde, meio ambiente, energias alternativas e tecnologias da informação. Dos 38 projetos aprovados, 33 foram desenvolvidos na Região Metropolitana de Vitória, sendo 25 deles na Capital.

Serviço:
Tecnova II – Espírito Santo (Programa de Apoio à Inovação Tecnológica)
Submissão de propostas até 31 de março
ACESSO AO FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO
Anexo II - Documentação requerida
Anexo III - Declaração de comprometimento de aporte de contrapartida financeira
Anexo IV - Declaração de não contratação em outros editais
Anexo V - Modelo de Plano de Trabalho 
Informações: duvidas.inovacao@fapes.es.gov.br 


Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da Fapes
Mike Figueiredo / Jair Oliveira
(27) 3636-1867 / 99309-7100
comunicacao@fapes.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard